Os fotógrafos Luiz Baltar e Eduardo Sardinha falam das tendências da fotografia mobile
Os telefones celulares têm cada vez capacidade de captação de imagens.

Imagens feitas com telefones celulares ganham cada vez mais espaço na fotografia. Feito com uma câmera de telefone, processados no telefone e até mesmo impresso a partir do telefone, essas imagens são cada vez mais presentes em exposições como um novo estilo. As diferenças entre e a fotografia feita pelo dispositivo móvel e as clicadas por câmeras são cada vez menos perceptíveis. Os smartphone estão caminhando para mais um tipo de câmera que toma seu lugar ao lado câmeras pin hole, câmeras DSLR, etc. Uma coisa é certa, não é a câmera o grande diferencial, mas sim, a visão e habilidade do fotógrafo que criam uma grande fotografia.

Liliane Reis recebe no estúdio Luiz Baltar, fotógrafo por formação e fascinado pelos temas sociais, aproveita o tempo gasto com o deslocamento de ônibus para fazer com seu celular belos ensaios, tendo como tema a cidade e as pessoas que cruzam seu caminho. Já Eduardo Sardinha, publicitário por formação e fotógrafo por paixão, encabeça o movimento MObgraphia, que estimula e cria condições para que as pessoas possam se reunir, debater, aprender e ensinar a fotografia mobile.

Publicado em 11/08/2016

Assista o vídeo no Estúdio Móvel

Relacionados